Posts tagged ‘PAC’

Cortes no PAC adiam ferrovia da Integração até Vilhena

Saber quando os trilhos da Ferrovia de Integração Centro-Oeste (Fico) efetivamente sairão do papel é uma incógnita. Com 1.638 quilômetros de extensão, ligando Campinorte (GO) a Vilhena (RO), a Fico é o primeiro passo para a implantação de um projeto ambicioso, a Ferrovia Transcontinental (EF-354), que deverá se prolongar até a fronteira do Brasil com o Peru. A obra foi prevista para ser desenvolvida pela Valec Engenharia, Construções e Ferrovias S.A., empresa pública vinculada ao Ministério dos Transportes, em duas etapas. O custo estimado é de R$ 6,4 bilhões, a serem cobertos com recursos do Programa de Aceleração do Crescimento (PAC).

No último dia 16, José Francisco das Neves, presidente da Valec, anunciou que o governo federal irá publicar, até o final de abril, o edital de licitação para a construção do primeiro trecho de 450 km entre os municípios de Campinorte (GO) e Água Boa (MT). Já o percurso de 590 km entre Água Boa e Lucas do Rio Verde (MT), completando a primeira etapa, deverá ser licitado em setembro de 2011, segundo informações da Valec. A previsão é de início das obras no segundo semestre deste ano, com término em 2014. Para a segunda etapa, os 598 km entre Lucas do Rio Verde e Vilhena (RO), a Valec não faz nenhuma previsão.

Clique aqui e veja a notícia na íntegra.

Postado por: NewsComex – Comércio Exterior e Logística

Anúncios

28 de março de 2011 at 17:02 Deixe um comentário

PAC cumpriu 46,1% das ações previstas no período 2007-2010

Até abril deste ano, 46,1% das ações do Programa de Aceleração do Crescimento (PAC) já foram cumpridas, o que representa investimentos de R$ 302,5 bilhões, do total previsto de R$ 656,5 bilhões, para o período 2007-2010. Os dados constam do décimo balanço do PAC, que o governo federal divulga nesta quarta-feira (2). No nono balanço, em dezembro de 2009, o percentual geral de execução era de 40,3% e, no balanço anterior, o oitavo, o percentual era de 32,9%.

Na área de habitação e saneamento o percentual é de 69,4%, ou R$ 158,8 bilhões de R$ 228,7 bilhões. No setor de logística, energia social e urbana a execução é de 33,6%, correspondentes a R$ 143,7 bilhões dos R$ 4247,8 bilhões do total previsto até 2010.

Clique aqui e veja a notícia na íntegra.

Postado por: NewsComex – Comércio Exterior e Logística

2 de junho de 2010 at 16:40 Deixe um comentário

Edital para o Trem de Alta Velocidade será divulgado em 2 de março

O edital do leilão para o Trem de Alta Velocidade (TAV) será divulgado no dia 2 de março e a previsão é que o leilão ocorra em 2 de maio, disse quinta-feira (4) a ministra da Casa Civil, Dilma Roussef, durante evento de balanço dos três anos do Programa de Aceleração do Crescimento (PAC).

A ministra reafirmou que a obra não deve ser concluída a tempo dos jogos da Copa do Mundo de 2014. “Para as Olimpíadas [de 2016] temos certeza. Na Copa pode ser que tenhamos só trechos [prontos] e não o trem inteiro”, afirmou Dilma

Clique aqui e veja a notícia na íntegra.

Postado por: NewsComex – Comércio Exterior e Logística

5 de fevereiro de 2010 at 14:11 Deixe um comentário

PAC Embrapa conta com R$ 222,9 milhões para investimentos em 2010

O Programa de Fortalecimento e Crescimento da Embrapa – PAC Embrapa entra em seu terceiro ano com R$ 222,9 milhões disponibilizados para dar sequência aos investimentos nas áreas de pessoal, infraestrutura, gestão institucional, pesquisa e transferência de tecnologias.

Para dar continuidade à implantação dos três novos centros de pesquisa foram disponibilizados R$ 15,7 milhões. A revitalização da infraestrutura da Embrapa conta com R$ 24,9 milhões e as dezessete Organizações Estaduais de Pesquisa Agropecuária (Oepas), reestruturadas com recursos do PAC Embrapa, terão mais R$ 72,3 milhões.

Clique aqui e veja a notícia na íntegra.

Postado por: NewsComex – Comércio Exterior e Logística

5 de fevereiro de 2010 at 14:06 Deixe um comentário

Metrô e asfalto no PAC 2

O presidente Lula reúne hoje os ministros Dilma Rousseff (Casa Civil) e Paulo Bernardo (Planejamento) para discutir o PAC 2 (Programa de Aceleração do Crescimento), que será lançado no primeiro semestre e terá investimentos previstos de 2011 a 2015.

Os dois principais eixos da reedição do programa federal – que será o carro-chefe da campanha de Dilma à presidência- serão asfalto nas cidades, metrôs e investimento para a exploração do petróleo da camada do pré-sal. Em 2007, o presidente rejeitara a proposta de incluir calçamento no PAC porque achava que os prefeitos iriam preferir asfaltar ruas do que resolver problemas de esgoto. Agora, Lula acredita que é hora de asfaltar o País. A demanda por asfalto é antiga. Em muitas regiões do país, a precariedade de acesso é impeditivo para o desenvolvimento. Lula iria nesta semana ao município, mas foi convencido por sua assessoria a desistir da ideia.

Clique aqui e veja a notícia na íntegra.

Postado por: NewsComex – Comércio Exterior e Logística

12 de janeiro de 2010 at 12:27 Deixe um comentário

O Brasil pode parar

Sem infraestrutura adequada ao ritmo de crescimento planejado ou esperado neste e nos próximos anos, o Brasil para. Essa certeza de especialistas e autoridades já é muito bem conhecida da sociedade. Assim como as desculpas, na maioria das vezes travestidas de números floreados, mas inócuos, para explicar a ineficiência do papel do Estado como gerador das condições básicas e essenciais para o desenvolvimento econômico e social da nação. Isso também é válido para o governo Lula. A rigor, a precariedade da atual infraestrutura, resultado de décadas de descaso e de pouco investimento, tornou-se uma das maiores barreiras ao crescimento do país.

O governo Lula, nesses últimos sete anos, desenvolveu uma agressiva política para ampliar a influência do Estado na economia e em todas as esferas da sociedade. Mas falhou muito, quando se trata de obras de infraestrutura. É o que mostra o balanço de obras do seu primeiro mandato e, também, o pífio resultado do Programa de Aceleração Econômica (PAC). Em um país que urge por infraestrutura, por exemplo, os números oficiais indicam que pouco mais de 50% da meta planejada do PAC foi alcançada, isso incluindo as inversões do setor privado, entre 2007 e 2009. Segundo a Associação Brasileira da Infraestrutura e Indústrias de Base (Abdib), o Brasil precisa investir R$ 88 bilhões a cada ano para equacionar os problemas. Estima-se que o governo petista investiu no período apenas R$ 24 bilhões/ano.

Clique aqui e veja a notícia na íntegra.

Postado por: NewsComex – Comércio Exterior e Logística

11 de janeiro de 2010 at 12:22 Deixe um comentário

Governo turbina PAC com mais R$ 7 bilhões

Com a ajuda do Congresso, o governo federal garantiu para 2010, na noite desta terça-feira (22), o maior volume de recursos da história do PAC (Programa de Aceleração do Crescimento), desde que foi criado, em 2007.

Reportagem de Fernanda Odilla para a Folha desta quarta-feira informa que o relatório final da proposta orçamentária, aprovado ontem pelo Legislativo, reservou R$ 29 bilhões para as obras do programa do governo Lula (assinantes do UOL e da Folha podem ler a íntegra na edição eletrônica).

A proposta encaminhada pelo governo previa R$ 22,5 bilhões para 2010. Ao redigir o texto final do Orçamento de 2010, no entanto, o deputado Geraldo Magela (PT-DF) inflou em R$ 7,3 bilhões o montante destinado às obras de infraestrutura classificadas como prioritárias pelo Planalto.

Clique aqui e veja a notícia na íntegra.

Postado Por: NewsComex – Comércio Exterior e Logística

23 de dezembro de 2009 at 12:20 Deixe um comentário

Posts antigos


Blog Stats

  • 330,693 hits

Agenda

novembro 2017
T Q Q S S D S
« fev    
 123456
78910111213
14151617181920
21222324252627
282930