Posts tagged ‘agronegócio’

Porto de Paranaguá é principal entrave ao agronegócio no PR

Quando se trata de discutir gargalos que impedem um melhor desempenho do agronegócio paranaense, o primeiro que vem à tona é o Porto de Paranaguá. “É o principal”, afirma o assessor técnico da Federação da Agricultura do Estado do Paraná (Faep), Nilson Hanke Camargo.

Segundo ele, em 1999, a movimentação era de 14 milhões de toneladas de produtos agrícolas. Dez anos depois, o volume subiu para 32 milhões de toneladas. “Mas o porto é exatamente o mesmo, apenas a manutenção é feita e de forma muito precária pelos próprios usuários.”

Clique aqui e veja a notícia na íntegra.

Postado por: NewsComex – Comércio Exterior e Logística

27 de maio de 2010 at 16:25 Deixe um comentário

Produtor precisa aproveitar picos de cotação

2010 será um ano de recuperação para o agronegócio brasileiro. A avaliação é do analista Alexandre Mendonça de Barros, da MB Associados. A safra nacional de grãos de verão volta a crescer após a quebra do ano passado e deve garantir boa rentabilidade para aqueles produtores que souberem aproveitar os picos de preço para vender a sua produção, afirmou o analista durante o Ciclo de Palestras RPC-Ocepar, aberto ontem no Show Rural Coopavel. “A dúvida do clima acabou. Agora a boa safra é quase uma certeza. Mas estamos colhendo em um momento de fartura na América do Sul. A Argentina, sozinha, vai colocar no mercado 20 milhões de toneladas de soja a mais neste ano”, explica.

A avaliação de Mendonça de Barros está em linha com a estimativa da Companhia Nacional de Abastecimento (Conab), que ontem reajustou para 143 milhões de toneladas a sua projeção para a safra brasileira de grãos. O volume representa um aumento de 5,9% ante o ciclo anterior e é ligeiramente menor que o recorde obtido em 2007/08, quando o Brasil colheu 144,1 milhões de toneladas de grãos.

Clique aqui e veja a notícia na íntegra.

Postado por: NewsComex – Comércio Exterior e Logística

10 de fevereiro de 2010 at 12:47 Deixe um comentário

Cotação da soja cai, mas permanece acima do preço histórico

A cotação internacional da soja, determinada pela Bolsa de Chicago, nos Estados Unidos, já caiu cerca de 8% neste ano, com o bushel (27,2 quilos) a US$ 9,5 no momento. valor que, apesar de mais baixo que na virada do ano passado, ainda se mantém acima do preço histórico de US$ 8,5 de acordo com o coordenador-geral de Oleaginosas e Fibras, do Ministério da Agricultura, Pecuária e Abastecimento (MAPA) Sávio Rafael Pereira.

Ele disse que a pressão de baixa nos preços da soja decorre da expectativa de forte oferta do produto, neste ano, no mercado internacional, pois segundo previsão do Departamento de Agricultura dos Estados Unidos (USDA) haverá safras recordes de soja nos três maiores produtores (EUA, Brasil e Argentina), com oferta adicional estimada em 42,5 milhões de toneladas.

Clique aqui e veja a notícia na íntegra.

Postado por: NewsComex – Comércio Exterior e Logística

10 de fevereiro de 2010 at 12:40 Deixe um comentário

Dados de inflação e balanços fazem agenda do dia

A terça-feira tem fraca agenda de indicadores econômicos tanto em âmbito doméstico quanto externo. Por aqui, a Fundação Instituto de Pesquisas Econômicas (Fipe) apresenta sua leitura para o Índice de Preços ao Consumidor. Já a Fundação Getúlio Vargas (FGV) mostra o seu IPC semanal para as cidades São Paulo, Rio de Janeiro, Porto Alegre, Belo Horizonte, Brasília, Salvador e Recife.

Ainda pela manhã, o Instituto Brasileiro de Geografia e Estatística (IBGE) mostra as estimativas da produção agrícola brasileira e a Pesquisa Industrial Mensal de Emprego e Salário referente ao mês de dezembro.

Clique aqui e veja a notícia na íntegra.

Postado por: NewsComex – Comércio Exterior e Logística

9 de fevereiro de 2010 at 12:46 Deixe um comentário

Reunião da Camex expõe divergências no governo

A reunião da Câmara de Comércio Exterior (Camex) será palco de um confronto entre o Itamaraty e o Ministério do Desenvolvimento, Indústria e Comércio Exterior (MDIC) em torno das retaliações a produtos e a patentes de medicamentos dos Estados Unidos – o principal item da pauta do encontro. O MDIC acredita que o governo brasileiro já atrasou demais a aplicação das sanções e se contrapõe à proposta da diplomacia de dar mais tempo para a negociação de uma solução alternativa com os EUA. A possibilidade de um acerto final no encontro é considerada improvável em ambos os ministérios. “Já passou do ponto de impor as retaliações.

Os EUA não vão cortar os subsídios condenados”, afirmou uma autoridade do MDIC. Mais fácil para os ministros que compõem a Camex será outra decisão – a redução para zero da tarifa de importação de etanol, em caráter temporário. A controvérsia do Brasil com os EUA em torno dos subsídios ao algodão foi um dos casos mais emblemáticos da OMC. A disputa iniciou-se em 2002, quando ainda estava em vigor a chamada “cláusula da paz”, uma regra adotada na Rodada Uruguai (1986-1994) que impedia o questionamento de subsídios agrícolas até 2003. Ao longo de sete anos, o Brasil levou adiante o contencioso até a condenação dos subsídios americanos.

Clique aqui e veja a notícia na íntegra.

Postado por: NewsComex – Comércio Exterior e Logística

9 de fevereiro de 2010 at 12:40 Deixe um comentário

Agropecuária catarinense tem cenário positivo para 2010

Para o chefe do Centro de Socioeconomia e Planejamento Agrícola da Epagri, Airton Spies, as perspectivas do setor são muito boas. O clima está colaborando para uma boa safra e há diversos programas de apoio disponíveis aos agricultores familiares, como o Pronaf por exemplo, além do SC Rural, parceria entre o Governo do Estado e Banco Mundial, que vai investir 180 milhões de dólares no setor nos próximos 6 anos para alavancar o desenvolvimento rural, com sustentabilidade.

Para os agricultores familiares, que representam mais de 90% do total dos quase 200 mil estabelecimentos rurais do estado, a alternativa é a diversificação da produção, o planejamento, a melhoria da gestão da propriedade e principalmente a sua organização em forma de cooperativas e associações para ganhar escala, viabilizar estrutura de armazenagem e com isso acesso ao mercado. “É importante produzir produtos de alta densidade econômica, que permitam gerar maior renda por área de terra, e ainda, agregar valor a esses produtos”, afirma Spies, complementando que, com isso, é possível gerar uma renda capaz de manter e atrair os jovens para o campo, já que serão eles os sucessores da geração de produtores atuais.

Clique aqui e veja a notícia na íntegra.

Postado por: NewsComex – Comércio Exterior e Logística

8 de fevereiro de 2010 at 13:15 Deixe um comentário

Rússia inicia compra de soja brasileira

O Ministério da Agricultura, Pecuária e Abastecimento (MAPA) informou ontem (4/2) que foi embarcado esta semana o primeiro carregamento de soja brasileira com destino à Rússia. Segundo o secretário de Defesa Agropecuária, Inácio Kroetz, as barreiras técnicas impostas pelo governo russo à importação do produto nacional foram resolvidas no último encontro com as autoridades daquele país, realizado em Berlim, capital da Alemanha, em janeiro.

“Os russos têm investido na produção de frango e suíno e precisam de insumos. Como o Brasil é um grande fornecedor, essa exportação tem tudo para se consolidar e crescer”, explicou Kroetz.

Clique aqui e veja a notícia na íntegra.

Postado por: NewsComex – Comércio Exterior e Logística

5 de fevereiro de 2010 at 14:10 Deixe um comentário

Posts antigos


Blog Stats

  • 329,964 hits

Agenda

maio 2017
T Q Q S S D S
« fev    
 1
2345678
9101112131415
16171819202122
23242526272829
3031